Friday, July 06, 2007

Como o nosso Executivo vende tão bem a banha da cobra!!!


Como todos sabemos a Educação no nosso país vai de mal a pior. Isto, não só no aspecto da docência, mas também, e sobretudo, nas saídas profissionais e no acesso ao mundo de trabalho.

O primeiro-ministro José Sócrates, anunciou um reforço substancial dos cursos técnico profissionais, para o ensino básico e secundário.
Esta medida visa ser uma aposta que tem em vista combater o insucesso escolar.

Segundo o primeiro ministro: “"Nenhum país pode competir na primeira linha da economia global se apenas tiver 30 por cento" da população com o 12º ano. Nesse sentido, é responsabilidade do Governo fazer "a promoção desses cursos profissionais e tecnológicos" de modo a que haja "procura" para a oferta agora apresentada.

Na cerimónia também esteve presente a ministra da Educação, Maria de Lurdes Rodrigues, que considerou o reforço do número de cursos "uma revolução silenciosa e tranquila", nas escolas que estão a adaptar "a sua oferta formativa às expectativas dos jovens e das suas famílias".No entanto, para completar este esforço, o Governo tenciona investir nos próximos anos na "modernização dos espaços e equipamentos das escolas" e alargar também "a cobertura da acção social escolar" no secundário."Temos de ter a garantia que nenhum aluno fica de fora [do sistema] por razões sociais e económicas", sustentou a ministra.Segundo o secretário de Estado da Educação, Valter Lemos: "Todos os jovens terão a oportunidade de seguir os estudos [com vista à universidade] ou tirar um curso secundário para obter uma certificação profissional de nível 3", garantiu o secretário de Estado, salientando que estas opções existem "praticamente em todas as escolas do país".

Ora, eu levanto aqui várias questões:

1- A questão dos cursos profissionais, para mim, só forem cursos da “tanga”.
Os educandos de um amigo meu querem tirar cursos destes, nomeadamente de mecânica.
Esse meu amigo diz que pretende exigir uma escola pública para os inscrever já no próximo ano lectivo.
Como ele não acredita nestas medidas costuma-me dizer, e com muita piada, que vai pedir ao P.M que a invente, se for capaz!


Deixo ainda outras questões no ar:

Onde será que vai o nosso P.M recrutar professores habilitados para dar aulas de electricidade, mecânica… E onde têm as instalações para leccionar esses cursos?

Destruíram as escolas que tinham essas condições e agora vão funcionar em salas de aulas normais, onde se lecciona Língua Portuguesa, Matemática…?

Isto, a meu ver, não passa de mais uma retórica barata de saldo e de demagogia no estado puro, é ignorância nata do que é a educação de um país.
O Sr. 1º ministro ignora completamente a realidade escolar, a realidade social, a realidade económica e até me convenço, que a própria realidade política do país, já o abandonou e destruiu quanto baste.


Parece-me que já é altura de olhar para o ensino com perspectivas de futuro, aberto para as tecnologias modernas, é preciso especializar profissionais nas áreas da construção aos mais diversos níveis, não deixando as tradicionais… Para isto o Sr. não serve, porque desconhece. O que disse são vãs promessas que se destinam a iludir mais uns quantos… adormecidos.
Como vende tão bem banha da cobra!

Este raciocínio também pode ser aplicado ao ensino superior, não percebo porque se insiste em incentivar os jovens a tirar licenciaturas, com o argumento de que o nosso país tem pouco capital humano com formação superior….

Ora, isto na minha perspectiva é um contra-senso total, porque como todos sabemos um nº bastante considerável da população actualmente desempregada é constituída por licenciados, que são tratados como “leprosos” ,pois ninguém lhes pega.

Então para quê continuar a incentivar e a criar ilusões aos jovens?

Só se for para haver cada vez mais frustrações, depressões, suicídios, etc., etc., etc.

Tenham vergonha e acabem com as mentiras.

Não brinquem com as bolsas das famílias, que fazem um enorme esforço para proporcionar um curso aos filhos, com o intuito de estes terem uma melhor vida do que aquelas que eles tiveram.
E depois o que acontece?

Os filhos permanecem em casa, com 30 anos e mais, frustrados porque “queimaram pestanas” e não vêem contrapartidas desse esforço.

E o Estado nada faz para que esta situação mude, prometem, prometem, mas na prática nada acontece.

E depois se não forem os pais a darem uma ajuda estes jovens que foram incentivados a estudar, e que o fizeram para melhor servir o seu país, morrem de fome.

Que seria de muitos se não fossem os “paitrocínios”??!!!

Porque é que são atribuídos subsídios para uma série de coisas, e certas etnias de pessoas, mas para outros nada????
Atenção que não sou racista, estou apenas a constatar uma realidade que está à vista de quem a quiser ver.

E depois esta geração é a “geração dos recibos verdes” e dos “500 euros”, e os nossos políticos, ainda parecem admirados com isso!
Mas, nada fazem para inverter a situação.

Tenham dó, trabalhem e não olhem somente para os vossos umbigos e para os vossos compadrios, o país não são só vocês.
Há pessoas que têm mais que um” tacho”, e depois claro não há para os outros. Mas depois a sábia solução é aumentar os impostos, ou seja, paga Zé povo!

Acima de tudo não passem constantes atestados de estupidez ao povo!


Saudações diabólicas.






16 comments:

Ana said...

Olá!

Sinceramente concordo com algumas coisas que dizes, mas n com todas... continuo a achar que na verdade o que nós procuramos é uma fada madrinha e não um governo! Mas isso são "outros 500!"

"Porque é que são atribuídos subsídios para uma série de coisas, e certas etnias de pessoas, mas para outros nada????
Atenção que não sou racista, estou apenas a constatar uma realidade que está à vista de quem a quiser ver." Com este ponto concordo totalmente... porque é que uma familia de etnia cigana à escola, quando qualquer um de nós não faz mais que a sua obrigação em concluir a escolaridade obrigatória???

Isto dá àgua pelas barbas...

Ah... uma nota... se realmente o filho do teu colega quer fazer o curso de mecânica numa escola pública pode sempre tentar o Colélio de Pina - Manique, que tem mecânica, serralharia, panificação, relojoaria... e outros!

Bjs

Ana said...

correcção na frase

"porque é que uma familia de etnia cigana à escola, quando qualquer um de nós não faz mais que a sua obrigação em concluir a escolaridade obrigatória???"

para ter sentido tem de ser:

porque é que uma familia de etnia cigana recebe um subsidio por o filho ir à escola, quando qualquer um de nós não faz mais que a sua obrigação em concluir a escolaridade obrigatória???

Casemiro dos Plásticos said...

no meio disto tudo será berardo o mesias desejado?! lol
Depois passa no meu blog que tenho umas coisas com piada ou não lol
beijo e bom fds

Gaja Boa 1 said...

até há bem pouco tempo, o nosso país tinha falta de licenciados (e segundo li, ainda continua), mas o que acontece é que temos milhares de licenciados desempregados!!!

Agora a solução é a formção profissional, porque temos falta de profissionais especializados!!! Quando tivermos as filas cheias do desemprego vai voltar-se provavelmente para a horta!! Só pode!!!

A culpa vai sendo de tudo e de todos, menos das medidas que eles tomam!!!

A mim revolta-me quando dizem estes parasitas destes políticos, que nunca souberam na vida o que é andar em entrevistas de trabalho, porque têm o factor cunha e os padrinhos, virem dizes a´público que temos FALTA de pessoas licenciadas, quando actualmente estas pessoas são 25% do pessoal desempregrado!!!

olha, pó caralho com esses burros!!! !Que andem a mandar currículos e sem factor cunhas pa eles verem o que é bom pa tosse...

beijos

Daniela R. said...

Sabes,Concordo ctg (em parte). Andamos nós a queimar pestanas na universidade para chegar ao fim e ficar no desemprego, é incrivel, e depois a solução é sermos "recambiados" para cursos de formação profissional.
Ainda no início deste ano (e isto pq tou a estagiar num gabinete de formação profissional) tivemos uma turma inteira de licenciados desempregados enviados pelo centro de emprego, e que tiveram mesmo de tirar um curso para o qual não estavam motivados se não perdiam o subsídio de desemprego, é deplorável....

Diabólica said...

ANA,

Obrigada pela dica, já informei o meu amigo.

Bjs


CASEMIRO DOS PLÁSTICOS,

LOL!

Concerta q já passei e sim tem graça.

Bjs


GAJA BOA 1,

Pois é uma pescadinha de rabo na boca, o rabo na boca lembra-me o nosso primeiro, n resisto a dizê-lo!!! Porque será???!!!!

Quanto à questão da horta, parece q sim q td se orienta p isso.

O grelo unido, já mais será vencido!

Pois, o problema é precisamente eles estarem completamnete fora da realidade do mundo de trabalho.

Gostava de os ver num centro de emprego qq, lá isso gostava!

Bjs


DANIELA R,

Sem dúvida, mas é assim dessa forma deplorável q o nosso país continua a funcionar. Isto é, se isto se pode chamar funcionar.

A culpa n será nossa??

Eu acho q temos a nossa quota parte.

Bjs

Sapo said...

Isto é mais uma prova da estupidez do governo eleito por todos, como criar aulas de informática com 30 alunos com um computador, temos de fazer uma revolução, não de esquerda ou de direita mas uma para cumprirem aquilo que JÁ está ESCRITO na constituição, pois eu sei que não parece mas nós temos uma da constituições mais avançadas do mundo só não é aplicada, era só preciso cumprirem-na.

tuga said...

Olh'ó jeitoso.... que lindo que ficou!!!!! O que interessa é apresentar trabalho feito (pra noticia de telejornal) depois na pratica.... é ver os supostos formandos, licenciados, a aviar nas caixas de supermercado. E viva o bom tempo... assim nao corro o risco desse jeitoso me aparecere pela frente num dia de nevoeiro

Topo de Gama said...

Oi Diabolica!!!

tas boa????!!!

Sinceramente considero-me um apoiante de certas politicas do tia Socrates.. E a verdade é que a grande razao do mau aproveitamento dos licenciados em PT, deve-se ao excesso dos mesmos (na minha opiniao)!!! Hoje, o "doutor" é mal pago porque somos muitos com esse titulo!!! Toda a gente procura um trabalho de escritorio, sem empregar força "muscular"

Socrates tem razao qd diz ke apenas 30% é pouco... Agora, qt as infraestruturas deve-se a uma razao... Eu prefirp ke um filho meu seja "doutor" ke mecanico! e Porque?? pk a partida isso implica ke va ter melhor vida... nao keremos todos o msm?????

E pra terminar... Sera ke podemos culpar o tio socrates por tanta merda feita em governos passados, nomeadamente merdas do tempo do PSD??? Terao as pessoas consciencia ke um país nao se faz com um só partido??? Menos mal ke o nosso PM ainda se dá conta de certas e determinadas coisas... E sinceramente, acho ke o moço tem umas costas demasiado grandes, porque creio ke tem tentado resolver problemas criados por outros politicos e outras politicas...

PS- Gostei mt do post.. e tb do 1º comentario da Ana...

Beijocas ;)

Gaja Boa 2 said...

Sabes o que te digo? que vão todos com os porcos...
Se querem que os filhos deles andem enganadinhos com 3 a tudo pq naõ se pode chumbar ninguém...eu não quero isso para os meus..
É atirar areia pos olhos do povo

bjs revoltados

Lord of Erewhon said...

Fornecem computadores e acabam com a Informática nas escolas! Não é preciso dizer mais.

sonhador said...

porque razão achas que eu sou do PDA - (Partido do Deixa Andar)???
todos os políticos prometem melhores condições aos portugueses, se chegarem ao Governo.

já viste algum a cumprir com as promessas que faz?
não?

por essas e por outras, eu sou do PDA.
já estou farto de políticas e políticos.

bjos

Diabólica said...

SAPO,

Realmente, "aulas de informática com 30 alunos com um computador", é completamente contrapruducente.

Quanto à revolução estou plenamente de acordo, como aliás é do teu conhecimento.

Que a marquem o mais depressa possível, que eu lá estarei.

Era bom q este país deixasse de estar entregue à "bicharada"!

Bjs


TUGA,

Ficou n ficou???!!!LOL

O pior é isso mesmo, é se incentivarem as pessoas a apostar na sua formação e dp ou deixá-las no desemprego, ou como dizes, a aviar em caixas de supermercado!

N , que seja nenhuma desonra trabalhar numa caixa de supermercado, é um emprego digno como os outros, mas então n mintam e coloquem cada macaco no seu galho.

Ou então vão eles para lá p ver o q é bom.

" E viva o bom tempo... assim nao corro o risco desse jeitoso me aparecere pela frente num dia de nevoeiro", loooooooooool!!!

Bjs


TOPO DE GAMA;

Olá lindo, como estás?!

Espero q bem,há mto q não dás sinal de vida, n te esqueças q nos fazes falta, por isso, mais uma vez te peço volta à rede rápido.

" E a verdade é que a grande razao do mau aproveitamento dos licenciados em PT, deve-se ao excesso dos mesmos (na minha opiniao)!!! Hoje, o "doutor" é mal pago porque somos muitos com esse titulo!!! Toda a gente procura um trabalho de escritorio, sem empregar força "muscular"


Pode ser, sem dúvida uma explicação, mas neste caso e visto q já se sabe q assim, caimos num contra senso, porque não limitar o nõ de alunos em certos alunos, em vez de incentivar o ingresso no ensino superior completamnete desorganizado???

"Eu prefirp ke um filho meu seja "doutor" ke mecanico! e Porque?? pk a partida isso implica ke va ter melhor vida... nao keremos todos o msm?????"

Sem dúvida q sim, mas n nos podemos continuar a iludir e a ser iludidos... se agora está assim, imagina no tempo dos nossos filhos??

Se nada se fizer até lá, estará, infelizmente, 1000 X pior, pelo menos é a minha opinião.

N estou a culpar o nosso primeiro por coisas feitas em governos anteriores, refiro-me apenas e somente a atitudes suas e do seu staff, está a imperar a ditadura a todos os níveis, mas mais uma vez esta é a minha opinião.

BEIJOKAS.


GAJA BOA 2,

Nem mais. Tb não quero isso para os meus filhos, temos q lutar p q isso n aconteça.

Bjs


LORD,

Ora aí está uma verdade inconturnável que espelha o trabalho deste Executivo.

Bjs e obrigada pela visita.


SONHADOR,

Se calhar qq dia destes vou-me fazer militante do teu partido!!! LOL

Mas, para já ainda n, acho q é nosso dever arranjar formas de luta para termos um futuro melhor para os nossos filhos.

É verdade, todos falam , antes de meterem o real cu no poleiro, e dp sofrem uma "amnésia conviniente"!

Bjs

pé descalço said...

Diabolica

Na era moderna, uma sociedade desenvolvida necessita acima de tudo de:
Saúde, Sustento e Saber, como dizia o saudoso professor Agostinho da Silva.
E o que é que nós vemos o nosso governo a fazer em prol desse objectivo:

1º Mandou encerrar Maternidades, Urgências médicas, diminuir comparticipações em medicamentos e aumentar as taxas moderadoras...


2º Em Portugal existem 400 e muitos mil desempregados, + ou - 105 mil familias a viver em condições de extrema pobreza mas o que é que o governo fez?
Passou por cima das regras da aposentação instituidas há anos na função pública, penalizando quem deveria retirar-se por direito próprio através da lei, mas atenção, as novas regras são só para o Zé Povinho, porque eles politicos são uma classe `a parte!
Prometeu 150 mil novos postos de trabalho, já alguêm deu por eles?
não me parece que os jobs for the boys tenham dado para tanto...
afinal ainda há quem tenha de trabalhar...sem ser assessor!!!
Prometeu não aumentar os impostos, mas tãmbém quem é que liga a isso, o IVA são só 21%!!!


3º Mandou encerrar "montes", "montanhas" de escolas por todo o país, atingindo particularmente o interior, já de si desfavorcido de estruturas sócio-culturais.
Mandou encerrar a Universidade Independente depois da embrulhada do sr. engenheiro!
E vem agora tentar convencer-nos atirando areia para os olhos, como se fossemos mesmo todos camelos, com a propaganda "reles" do reforço dos cursos técnico-profissionais!!!

Diabolica

Mais uma vez estou contigo, haja senso sr. Sócrates...não nos tome por burros...que os ditos animais não têm culpa da sua filósofia barata...

Bjs

Mentiroso said...

Bom post com argumentação válida, mas há um ponto que escapa, como aliás escapa em muitos outros posts e então os jornaleiros, esses encobrem por conluio. Embora não esteja directamente ligado à mecânica ou à tecnologia, liga-se directamente a quem acabe um curso e não obtenha colocação.

O “Sócrates anunciou um reforço substancial”? Para quê? Sim, para que serve isso se aqueles que acabam os cursos não conseguem encontrar trabalho e vão trabalhar para restaurantes, supermercados ou qualquer coisa do género?

O que realmente espanta ainda muito mais é a cegueira desses que não conseguem uma colocação, assim como a dos seus pais que são obrigados a continuar a alimentá-los e a vesti-los. O resto da população também parece não ver nada. Andam todos cegos com a areia que a verdadeira e autêntica máfia política lhes atira aos olhos ou não têm mioleira dentro da cachola para poderem utilizar?

Bastam duas frases que os cegos não discorrem e uma pergunta no fim, apenas para discorrer. (1) A máfia política guarda actualmente, para os corruptos ineptos e parasitas, mais de 4000 dos lugares principais da administração pública e ainda entrega um número incalculável doutros aos amigos, em lugar de os pôr todos a concurso público para gente competente. (2) Dizem eles que precisam de dar esses lugares a pessoas de sua confiança (tantos?), mas isto não acontece em nenhum outro país europeu e só pode acontecer quando se tem necessidade de esconder a corrupção por nomeados corruptos. (?) Quem é que provoca o desemprego dos formados?

Conclusão: os portugueses são estúpidos e cobardes.

Já agora, o Topo de Gama está completamente desactualizado. A maioria do que ele conta são verdades dum passado distante, e se em parte continuam actuais em Portugal, é isso mesmo: Portugal é um país extremamente atrasado por culpa dos seus cidadãos. E claro que o Sócrates não tem culpa duma situação de miséria e de falta de médicos, ambas geradas pelos governos do Cavaco. Não se chegou a este estado em meia dúzia de anos nem se sai dele em 15. E também é verdade que o governo precedente queria fazer ainda múltiplas vezes pior com as reformas e a saúde. Isto porém não desculpa um Socrateiro demagogo e traidor.

Barão da Tróia II said...

Olha eu estou farto até à rais dos cabelos de dar dinheiro a políticos a ciganos e à demais corja de etnico sanguessugas que me suga o suor e alma, fartinho até à exaustão de ver gente que nad faz nem produz levantar gordos cheques dereforma, quando pr exemplo a minha avó que tem 83 anos ganha umatrampa de 100 Euros e que trabalhou a vida inteira para alimentar 6 filhos. Bom post o teu.