Thursday, May 21, 2009

História suspensa!



O rumor de conversas sobre sexo nas aulas de História, já corriam nos corredores da escola há cerca de 3 anos, mas,como em Portugal o que impera é a política do "do deixa andar", ninguém fazia nada.

Isto embora as mães de 2 alunas, já tivessem feito queixa ao Conselho Directivo da Escola. Mas, como a professora negou as acusações, nada foi feito.

Afinal os professores, ao contrário do que se tem dito, ainda são quem manda e desmanda nas escolas portuguesas... bem, mas adiante.

Foi preciso que as mães de duas alunas colocassem um gravador na mala das alunas, para que desta forma ficasse registado o teor de uma hora de aula.

A professora falou de muita coisa, ou melhor de muitas “histórias”, menos de História, propriamente dita.

A professora já tinha conhecimento das queixas das mães à direcção escolar e perante a turma muniu-se de ameaças descabidas a uma das discentes, feitas num tom e com palavras que roçam a falta de educação, de postura, de nível. Resumindo, fez parte deste "discurso" tudo aquilo que ninguém deve fazer.

Passo a citar:

" Os vossos pais quando cá estiveram, foram os primeiros a dizer que a mãe daquela senhora é uma mal-educada, sem nível nenhum(....). Que escolaridade tem a sua mãe?

Aluna: 12º ano

Pois, mas eu fartei-me de estudar, tenho um meeeeeeestrado! A sua mãe para ter tantos estudos como eu tinha que estudar mais 10 anos. Por isso quando se dirigirem a mim pessoas como aquela, senhoras como a mãe daquela menina tratam-me por "senhoooora Douuutora", porque a mãe dela andou 12 anos na escola. Eu andei 12 anos na escola, 4 na faculdade, 2 no estágio, 2 numa pós graduação e 1 numa especialização. Ao pé de mim, aí….

Aí, como eu costumo dizer, ela está um metro e setenta, lá em baixo!

(...) O teu último namorado, etc, etc, etc são todos amiguíssimos do meu filho!(...)".

Neste triste contexto, e com estas afirmações arrogantes e perfeitamente infelizes, o que me apraz dizer a esta SRª Professora é que:

A EDUCAÇÃO, OS PRINCÍPIOS DE CADA UM, NADA TÊM A VER COM UMA FORMAÇÃO ACADÉMICA, neste caso, pseudo-formação...

Sabe, é tudo uma questão de BERÇO, que ou se tem ou não. E definitivamente a sra não tem.

O seu discurso, na minha perspectiva, apenas espelha que não passa de de uma mal educada e de uma frustrada sexual.

Quanto ao facto heróico do seu filho ser "amiguíssimo" de um ex namorada de uma das suas alunas, devo informá-la que, não obstante da sua vasta formação académica( da qual desde já me arrogo o direito de duvidar), não se diz amiguíssimo, mas assim amicíssimo!

Um pouco de humildade e de educação não lhe ficavam nada mal! E garanto-lhe que não lhe “caíam os parentes na lama”! Tem a minha palavra de honra, embora não saiba muito bem se sabe o que isso significa…

Para terminar, gostava de deixar as seguintes questões:

Numa altura em que se pede uma maior responsabilização dos pais na educação dos filhos, porque raio não se ouvem estas queixas dos pais???

E porque é que esta “sra Professora”, ainda tem tempo de antena e não vai mas é para uma casa de correcção, que quanto a mim é mesmo aquilo de que está a precisar???…

Mas, o mais hilariante disto tudo, é que a Docente admite processar a aluna que fez a gravação da aula.Segundo, a "Douuuuuutora"a gravação é ilegal à luz do direito e das normas da escola!

E as aulas dela serão "legais" à luz do programa escolar de uma cadeira de História????

Afinal, em que país vivemos???

Saudações diabólicas.

20 comments:

Saltos Altos Vermelhos said...

simplesmente vergonhoso!

pokemon said...

A arrogância da professora faz lembrar a da autora deste blog microcefalo

Diabólica said...

SALTOS ALTOS,

Pois, não sei que mais se pode dizer, se não vergonhoso e indecente...

Diabólica said...

POKEMON,

Se é tão microcéfalo, e não está à altura da tua "superior" inteligência, porque é que cá vens?

Se tiveres inteligência para tanto, esclarece-me.

Eu, habitualmente, não me misturo com pessoas acéfalas, como é, obviamente, o teu caso. Contudo, hoje resolvi dar-te algum tempo de antena. Também não podes ser sempre ignorado, não é verdade?!!

Aproveita-o bem, porque amanhã não há mais.

E já agora parafraseando o Fernando Rocha: " Puta que pariu".

Estou a usar esta linguagem porque calculo que seja a única que entendes.

Por esse facto, peço desde já desculpa aos meus restantes leitores. Pois, esses sim, têm educação, e cérebro.

Sapo said...

Em relação a professora eu acho que não estamos a saber a historia toda, está bem que ela foi mal educada mas não sabemos o que levou àquela resposta, pode ter sido uma grande provocação por trás... mas acho que nunca vamos saber.

Em relação ao pokemon...

Bem acho que a diabólica está a ser muito simpática com esse mentecapto ele não é um microcéfalo ele é tão mau que merece uma palavra nova; nanocéfalo, isto que disser que só com um microscópio eletronico é que se consegue ver aquilo que ele, ou ela, utiliza para imitar o pensamento(para ele e as pessoas do seu nível o cerebro).

Bom artigo, continua assim.

Miguel said...

eu sei o que é que a stôra precisava :D

Bom fim de semana :)

Bernardo Lupi said...

Isto é meio polémico. Mas por outro lado, também não me agrada que se estimule a chibaria como forma de vida.
De facto é ilegal fazerem-se gravações desse tipo e não se pode passar a imagem que o crime compensa. Porque senão não podemos esperar muito dessas adolescentes.
Há culpas de ambas as partes...

Bom fim de semana!

Bruno Fehr said...

Eu falei no meu ultimo texto sobre esta professora. Ela é estúpida todos os dias, mas temos de ser justos, pois o título desse vídeo do YouTube está incorrecto.

A atrasada mental não falou de orgias sexuais.

korrosiva said...

Mais triste ainda é ouvir as associações de professores a dizer que despedir a sra é capaz de ser um pouco extremista!

Tá tudo doente!!!

beijinhoss

Pokemon said...

Podias mudar o nome para Folhetim da Mentecapta. eheheh.

O teu Blog deixa qualquer mulher envergonhada. :)

Sapo said...

Se a pokemon mostrasse o blog dela ou dele, assim podíamos ver como é um bom blog, mas como todos os incompetentes anónimos não tem a coragem, e aprendeu uma palavra nova e a repete todas as vezes... já agora é o que ela ou ele deve ser(mentecapto).

João said...

A parte de processar a aluna é de bradar aos céus cum crl LoL

Diabólica said...

SAPO,

Poderás ter razão, e poderá, de facto, haver algo que nos esteja a escapar, mas para mim uma coisa que não me escapa é que a professora, em termos de educação, no sentido lacto da palavra, deixa muito a desejar.

Quanto ao " Pokemon", a definição de "nanócefalo", parece-me brilhante!

Mas, nunca ouviste dizer que os "cães ladram e a caravana passa"??!

Essa é a minha máxima.

Só devemos dar importância a quem verdadeiramente a tem, se não estamos a ofender a nossa inteligência, não achas?

Contudo, mais uma vez fica o meu agradecimento pelo forma contundente com que me defendes destas pragas "nanócefalas":)))

Depois pago os direitos de autor.

Beijinhos

Diabólica said...

MIGUEL,

Não sabemos todos?:)))

Bjcs.

Diabólica said...

BERNARDO LUPI,

Sim, mas será que aqui os fins não justificam os meios?

Bjcs.

Diabólica said...

BRUNO FEHER,

"A atrasada mental não falou de orgias sexuais." Looooooooooool!

Sim, lá isso é verdade, pelo menos completava o tema!!!!

Eu ainda proponha o "swing"!

Bjcs.

Diabólica said...

KORROSIVA,

Não duvides!

Passamos da "República das Bananas", para a dos malucos!

Bjcs.

Diabólica said...

POKEMON,

E tu já mudavas o nome infantil de "Pokemon",que espelha bem o teu nível de maturidade, para insolente e mal educado, que revela bem a tua forma decrépita de estar na vida.

Se não souberes o que é decrépita, aconselho-te a consulta de um dicionário, ou de um prontuário ortográfico, se souberes o que isso é....

Diabólica said...

JOÃO,

Até o diabo bateu palmas!

Bjcs.

Someone said...

Deixo aqui a minha opinião sobre toda a situação. Eu limito-me a questionar como surge esta situação? Porque ninguém sabe o que antecede a reacção (péssima) da professora. Mas até que ponto é que a aluna levando o gravador não provocou a professora "forçando" a que esta chegasse a uma situação limite? Acho que neste país muita gente tem tentado denegrir a imagens dos professores. Importante é, que as pessoas tenham noção (independentemente dos acontecimentos antecedentes que despoletaram esta situação) que esta é uma situação pontual. Em todas as profissões há bons e maus profissionais. Não coloquem é os professores todos no mesmo saco!